jQuery
Brasil

Riogaleão oferece autoetiquetagem de malas em quiosques da SITA

Agosto 10, 2017

Em agosto, o GIG CUTE CLUB, organização formada por 22 companhias aéreas que operam no Aeroporto Internacional Tom Jobim (GIG), vai receber novos quiosques de check-in da SITA, provedora de soluções de TI para a indústria aérea, para melhorar a experiência de seus passageiros. O GIG CUTE CLUB, com o apoio da RIOGaleão – operadora do aeroporto -, selecionou as tecnologias de uso comum da SITA, AirportConnect® Open e AirportConnect®, como soluções ideais para este aeroporto, que recebe em torno de 17 milhões de passageiros por ano e funciona 24 horas por dia.

A solução da SITA adota novas tecnologias para autoatendimento, que proporcionam redução de filas, com quiosques de check-in interativos, autoetiquetagem de malas e serviços de entrega e gerenciamento de bagagens que reduzem o tempo que os passageiros passam na fila. Assim, as companhias aéreas têm maior flexibilidade para administrar os horários de pico e os passageiros de qualquer companhia aérea podem imprimir seu bilhete de embarque e etiquetas de bagagem em qualquer quiosque, sendo embarcados em qualquer portão.

Lélia Dias, presidente do GIG CUTE CLUB, diz: “A SITA nos ajuda a gerenciar o fluxo de passageiros. A tecnologia é comprovada em todo o mundo e temos o conforto adicional da equipe de suporte da SITA”.

Mais de 400 aeroportos em todo o mundo usam a plataforma de processamento de passageiros da SITA AirportConnect Open, que permite aos aeroportos, companhias aéreas e seus agentes acessarem seus aplicativos de TI, em tempo real, em equipamentos de uso dedicado ou compartilhado.

Com a AirportConnect Open, qualquer companhia aérea usa qualquer posição de atendimento, portão de embarque ou quiosque de autoatendimento para check-in, despacho de malas e embarque de passageiros. A nova geração do Airport Connect permite, ainda, que as companhias aéreas conciliem os passageiros embarcados e compartilhem o mesmo terminal de pagamento por cartão de crédito (dispositivo de entrada de PIN – PAD) com chip, magnéticos e sem contato nesses pontos de atendimento, enquanto continuam usando seus provedores de serviços de pagamento e bancos preferenciais.

Elbson Quadros, vice-presidente da SITA para América Latina, diz: “O RIOgaleão está focado em como as companhias aéreas podem operar melhor no Tom Jobim. A experiência do passageiro é o cerne da sua estratégia. Os passageiros se beneficiam com menos filas e um fluxo suave de processamento. As companhias aéreas terão melhoria em eficiência operacional e um melhor atendimento aos seus clientes. E o aeroporto ganha um melhor fluxo no aeroporto, melhor atendimento aos passageiros e melhor imagem como um aeroporto moderno”.

Compartir noticia por email:
Fuente: SITA

Síguenos en Twitter: @aerolatinnews