Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility
Ahora leyendo:
LATAM terá voos diários e diretos de Brasília para Lima a partir de março de 2023
Toda la noticia 4 minutes read

LATAM terá voos diários e diretos de Brasília para Lima a partir de março de 2023

A LATAM anuncia hoje (9/11) voos diários e diretos de Brasília para Lima a partir de março de 2023. Em breve, a companhia começará a vender as passagens para a nova opção aos clientes, que vai reduzir pela metade o tempo total de viagem do Distrito Federal ao Peru na comparação com um voo com conexão.

A escolha por essa nova rota vem para oferecer mais comodidade e melhorar ainda mais a experiência dos clientes que embarcam pela capital federal, importante hub (centro de conexões) da LATAM no País. Os voos diretos para Lima permitirão conexões rápidas para pelo menos outros 30 aeroportos no Brasil com rotas diretas para Brasília e facilitará a chegada a destinos internacionais muito procurados, como por exemplo, o Caribe, uma vez que o Peru é ponto de conexão da LATAM para o destino.

Esta será a quarta rota Brasil-Peru da LATAM, que já voa diretamente para Lima a partir de Guarulhos (São Paulo), Galeão (Rio de Janeiro) e Porto Alegre. De janeiro a setembro de 2022, a LATAM já transportou do Brasil para Lima aproximadamente 190 mil passageiros em quase 1.170 voos.

Para Aline Mafra, diretora de Vendas e Marketing da LATAM Brasil, conectar Brasília diretamente a um destino internacional é um importante passo na retomada sustentável dos voos ao exterior e marca mais um investimento da LATAM no Brasil. “Brasília é para nós um hub fundamental para gerar conectividade. Somos uma empresa que sempre acreditou no Brasil e poder anunciar esse investimento é fortalecer o nosso compromisso com o País.”

A LATAM é hoje a maior operadora aérea do aeroporto de Brasília, com 458 voos semanais da capital federal para os seguintes destinos: Aracajú, Belém, Porto Seguro, Boa Vista, Cuiabá, Campo Grande, São Paulo/Congonhas, Belo Horizonte/Confins, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Rio de Janeiro/Galeão, São Paulo/Guarulhos, Goiânia, Foz do Iguaçu, Imperatriz, João Pessoa, Marabá, Manaus, Macapá, Maceió, Natal, Navegantes, Sinop, Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Rio Branco, Recife, Rio de Janeiro/Santos Dumont, São Luís, Salvador, Santarém, Teresina, Uberlândia e Vitória.

“Este é um voo que liga dois grandes hubs da Latam, e que já provou ter um grande potencial. O desenho e a localização do Aeroporto de Brasília contribuem para que o passageiro se conecte rapidamente para todas as regiões do Brasil, um grande diferencial do terminal brasiliense para atração de novos voos internacionais. Com este voo o passageiro poderá viajar diretamente da capital federal para Lima como destino final, mas também tem a possibilidade de se conectar de lá para diversos outros destinos das américas.”, conta Roberto Luiz, diretor de Negócios Aéreos da Inframerica.

O executivo reforça que o apoio do Governo do Distrito Federal foi fundamental para a retomada dos voos internacionais em Brasília, e pontua que este voo para Lima abre uma possibilidade enorme para atração de turistas para a capital federal. “Brasília e as regiões do entorno têm locais surpreendentes para se conhecer. A arquitetura é um ponto singular da cidade, mas há muito a ser explorado e visitado. E este voo cria a oportunidade de colocar o DF no roteiro de visitas na América Latina”, analisa Luiz.

A rota Brasília-Lima não era operada pela LATAM desde abril de 2020, após o avanço da pandemia de Covid-19 e das restrições sanitárias internacionais. Agora, mais eficiente após a pandemia, a LATAM já voa para 54 aeroportos brasileiros, o maior número de destinos da sua história no País, e permanece recuperando de forma sustentável os seus voos do Brasil para o exterior – já recuperou 21 dos 26 destinos internacionais que operava antes da pandemia de Covid-19. São eles: Assunção, Barcelona, Bogotá, Boston, Buenos Aires/Aeroparque, Buenos Aires/Ezeiza, Cidade do México, Frankfurt, Lima, Lisboa, Londres, Madri, Mendoza, Miami, Milão, Montevidéu, Nova York, Orlando, Paris, Roma e Santiago.

Ao todo, a LATAM transporta uma média de 20 milhões de clientes por ano no Brasil. De acordo com os dados consolidados da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), a companhia área liderou o mercado internacional no País em setembro de 2022, com uma participação de 18%* (em RPK**), tendo transportado mais de 234 mil passageiros entre o Brasil e outros países.

*ASK: sigla em inglês para Assentos-Quilômetros Oferecidos
**RPK: sigla em inglês para Passageiros-Quilômetros Transportados

Compartir noticia:
Fuente:
Input your search keywords and press Enter.