Ahora leyendo:
Maior centro de conexões de voos do Nordeste, Recife se torna primeiro hub da Azul a recuperar 100% da capacidade operacional
Toda la noticia 5 minutes read

Maior centro de conexões de voos do Nordeste, Recife se torna primeiro hub da Azul a recuperar 100% da capacidade operacional

Recife será o primeiro hub (centro de conexões de voos) da Azul a recuperar 100% da capacidade operada no período pré-pandemia. Em janeiro de 2021, a companhia chegará a 75 decolagens em dia pico para 31 destinos no país. Com mais operações para mais cidades, o Recife se consolida como o aeroporto que concentra a maior operação de uma companhia aérea em todo o Nordeste.

“Estamos mês a mês ampliando nossas operações e seguimos nosso plano de retomada do serviço de transporte aéreo em todas as regiões do Brasil. Recife é uma das nossas principais bases de operação e, em função de sua posição estratégica e rápida recuperação, temos reforçado as rotas que já operamos na cidade. Agora, consolidamos um novo passo e vamos criar novos mercados que deixarão nosso centro de conexões pernambucano ainda mais conectado com os principais aeroportos do Brasil”, destaca John Rodgerson, presidente da Azul.

Antecipando o planejamento da alta temporada de verão, que tem início em dezembro, a Azul fortalecerá sua presença no estado voando para mercados incomuns na história do terminal pernambucano. Recife-Uberlândia, Recife-Ribeirão Preto, Recife-São José do Rio Preto e Recife-Goiânia serão iniciados em dezembro, contribuindo para a retomada do turismo em Pernambuco. No mesmo mês, a Azul inicia regularmente a operação do maior voo doméstico do país, que será cumprido na rota Recife-Porto Alegre, e terá duração de 4h20, a bordo de um Airbus A320neo, com capacidade para até 174 Clientes.

As frequências diretas e regulares entre Recife-Palmas, Recife-Vitória e Recife-Cuiabá começam em janeiro de 2021 e vão reforçar o hub pernambucano como ponto focal de conexões e mais opções de voos e destinos. Com nove cidades a mais conectadas ao Recife a partir de dezembro, a capital de Pernambuco terá a maior alta temporada de verão de sua história.

Confira as novidades de malha no Recife para os próximos meses:

-Recife-Serra Talhada: início em 11 de novembro com dois voos diários;

-Recife-Caruaru: início em 11 de novembro com dois voos diários;

-Recife-Porto Alegre: início em 09 de dezembro com um voo diário;

-Recife-São José do Rio Preto: início em 12 de dezembro com um voo semanal;

-Recife-Goiânia: início em 16 de dezembro com um voo diário;

-Recife-Uberlândia: início em 19 de dezembro com um voo semanal;

-Recife-Ribeirão Preto: início em 19 de dezembro com um voo semanal;

-Recife-Vitória: início em 01 de janeiro com um voo diário;

-Recife-Palmas: início em 01 de janeiro com quatro voos semanais;

-Recife-Cuiabá: início em 02 de janeiro com três voos semanais;

O novo padrão de limpeza e segurança da Azul

A Azul reforçou a limpeza de suas aeronaves a cada voo e à noite, seguindo os protocolos sugeridos pela IATA. A companhia também foi a primeira do país a tornar obrigatório o uso de máscaras por Tripulantes e Clientes, tanto a bordo quanto em solo. Em outra iniciativa pioneira, a Azul passou a medir a temperatura dos Tripulantes a cada início de turno, aumentando a confiança em solo e a bordo e preservando a vida e a segurança de todos.

A companhia tem orientado o check-in pelo aplicativo da companhia e, para aqueles que precisa despachar a bagagem, sugere o uso dos balcões de autoatendimento, em que o próprio Cliente etiqueta sua bagagem sem contato com a tela dos tablets. Para o embarque, a Azul lançou o Tapete Azul, tecnologia pioneira no mundo, que é composto por um conjunto de projetores e monitores. Por meio de realidade aumentada projetores no chão formam um tapete virtual colorido e móvel, que convida a pessoa a se posicionar na fila de acordo com seu número de assento. A inovação vem proporcionando uma diminuição de cerca de 25% no tempo em que uma pessoa leva entre embarcar e sentar dentro do avião e, de quebra, contribui para o distanciamento social, já que os Clientes convocados para o embarque ficam a quatro metros de distância entre si.

A bordo da aeronave, kits com luvas, álcool em gel e lenço umedecido estão à disposição para uso dos Clientes e dos Tripulantes da Azul quando necessário. A companhia também tem utilizado descontaminantes bactericidas que contam com um princípio ativo que elimina o vírus da COVID-19 em 99,99% dos casos.

Além disso, a partir do próximo mês, a Azul adota o sistema de raio ultravioleta da Honeywell na limpeza do interior de suas aeronaves. O UV Cabin System é capaz de higienizar o interior de uma aeronave em menos de 10 minutos. A tecnologia representa uma camada a mais de segurança que será gradualmente introduzida na frota da Azul, a primeira empresa aérea da América Latina a trazer essa inovação.

Somando-se a isso e a limpeza dupla nos assentos, mesinhas, bolsão, banheiros, encosto de cabeça, cinto de segurança, janela, paredes e compartimentos superiores, a Azul vem atendendo todas as normas de procedimento de limpeza e desinfecção sugeridas pela Anvisa. O serviço de bordo passou a ser realizado ao final do voo, garantindo o uso da máscara durante toda a viagem, e o desembarque agora é realizado por fileiras, evitando as costumeiras aglomerações no corredor no momento de saída da aeronave.

Compartir noticia:
Fuente: Azul
Input your search keywords and press Enter.