Ahora leyendo:
Controlador de voo dorme pouco e põe passageiros em perigo, diz a Nasa
Toda la noticia 2 minutes read

Controlador de voo dorme pouco e põe passageiros em perigo, diz a Nasa

Dos Estados Unidos, chega um alerta. Um estudo da Nasa sugere que os controladores de voo têm dormido pouco. E que o cansaço desses controladores aéreos coloca muito mais gente em perigo.

Para a aviação, o céu tem limites, são os da segurança. O vai e vem dos aviões tem que ser orquestrado. Cada um no seu lugar e na sua vez. Mas alguns desses maestros do céu andam com a cabeça nas nuvens por puro cansaço.

O estudo feito pela Nasa nos Estados Unidos mostra que dois em cada dez controladores de voo cometeram erros graves recentemente, como permitir que aviões ficassem próximos demais. E a principal explicação para esses erros foi a fadiga.

A escala de trabalho está sendo apontada como uma das responsáveis pelo sono atrasado dos controladores, que atrapalha a atenção deles. O estudo mostrou que, na média, esses profissionais não estão dormindo nem seis horas por dia. Às vezes, nem quatro horas.

Uma especialista em segurança de transporte diz que a variação de horário de trabalho de um dia para o outro torna mais difícil para eles dormirem o que precisam.

Foi justamente um acidente fatal que levou ao estudo. Em 2006, no estado do Kentucky, um avião foi para o lado errado na hora de pousar e bateu. O controlador, que tinha dormido só por duas horas antes de trabalhar a madrugada inteira, não percebeu. E 49 pessoas morreram…

Compartir noticia:
Input your search keywords and press Enter.