Ahora leyendo:
Rio oficializa redução do ICMS do querosene de aviação a 7%
Toda la noticia 2 minutes read

Rio oficializa redução do ICMS do querosene de aviação a 7%

Com o objetivo de fomentar o Turismo fluminense, o Rio de Janeiro publicou decreto que reduz o ICMS do querosene de aviação a 7% até o fim de 2035 para empresas que operam nos aeroportos do Estado. A medida adequa a legislação estadual ao Convênio ICMS 188/17. O resultado é um trabalho em conjunto das Secretarias da Casa Civil, Turismo, Desenvolvimento Econômico e Fazenda.

Com a medida, o Rio de Janeiro espera atrair mais empresas aéreas e estimular novas rotas. Além disso, segundo estudo de impacto orçamentário e financeiro feito pelo Governo do Estado, o Rio poderá arrecadar R$ 64 milhões até 2023. Para o governador Claudio Castro, o Turismo é fundamental para a retomada da economia fluminense.

“Nosso objetivo com a medida é tornar o Rio de Janeiro cada vez mais competitivo em relação aos outros Estados brasileiros para que haja o aumento do fluxo aéreo e do número de turistas. Abrimos o diálogo com o setor da aviação e, de forma estratégica, o governo estadual atendeu a um pedido do segmento. O trabalho de retomada da economia fluminense vem sendo feito em diversas frentes e o Turismo é uma peça fundamental neste processo”, afirmou Castro.

Para o secretário de estado de Turismo, Gustavo Tutuca, essa é uma oportunidade de equiparar as condições fiscais do Rio à de outros Estados. “A redução do ICMS do querosene da aviação sempre foi um pedido do setor. Esse valor representa cerca de 35% dos gastos de uma companhia aérea e com essa queda, esperamos que o Rio se torne ainda mais competitivo em relação a outros Estados do País, aumentando o fluxo aéreo e, consequentemente, o número de turistas”, explicou…

Compartir noticia:
Input your search keywords and press Enter.